Rules

Portugues Brasileiro

A TRANSBRASIL VIRTUAL é uma organização sem fins lucrativos voltada ao entretenimento através da simulação das operações da TRANSBRASIL VIRTUAL em ambiente virtual. Este documento tem como objetivo apresentar um resumo do modelo operacional bem como regras de conduta e permanência. 

1 - Cadastro e Etapas de Ingresso

1.1 - Para ingressar na TRANSBRASIL VIRTUAL, é necessário ter no mínimo 18 anos de idade, conta ativa nas redes IVAO ou VATSIM com 500 horas de voo, bem como não estar impedido de conectar nas redes por motivos de conduta.

1.2 - A prova de ingresso estará disponível para novos candidatos apenas quando houver vagas disponíveis.

1.2.1 - A prova será constituída de 20 questões de múltipla escolha. Cada uma das questões será constituída de 4 alternativas (A,B,C,D). Sendo que apenas 1 (uma) estará correta. Os conteúdos de nossa prova de admissão são: Navegação, Meteorologia, Limitantes das aeronaves, Teoria de Voo, Performance Peso e Balanceamento.

1.2.2 - O tempo disponível para realização da prova é de 20 (vinte) minutos. Caso esgote o tempo, a prova será enviada automaticamente e o candidato receberá a nota.

1.2.3 - Para ser aprovado, o candidato deverá ter no mínimo 70% de acerto (14 questões). Caso seja reprovado, o candidato estará hábil a executar a prova novamente em 7 dias.

1.2.4 - Qualquer tentativa de burlar o sistema de avaliação teórico, ocasionará o cancelamento automático da inscrição do candidato e o mesmo será banido do ingresso na TRANSBRASIL VIRTUAL.

1.3 - A segunda etapa do processo de ingresso na TRANSBRASIL VIRTUAL consiste de uma entrevista com um ou mais membros do staff via Discord. Esta entrevista deverá ser agendada com o prazo máximo de 10 dias a partir da realização da prova teórica, conforme disponibilidade do candidato e do staff da TRANSBRASIL VIRTUAL. 

1.4 - A terceira etapa do processo de ingresso na TRANSBRASIL VIRTUAL consiste de um exame prático onde o candidato irá executar um voo entre duas terminais, a escolha do checador da TRANSBRASIL VIRTUAL. Este voo deverá ser realizado online, em qualquer uma das redes, preferencialmente IVAO, e ao mesmo tempo compartilhar o cockpit da aeronave via Discord, de forma que os checadores da TRANSBRASIL VIRTUAL possam avaliar o modo de operação do piloto.

1.5 - Os resultados do exame prático, serão enviados em no máximo 2 dias a partir da execução do voo.

1.6 - Ao ingressar é dever do piloto manter-se atualizado nos padrões e operação da TRANSBRASIL VIRTUAL

2 - Permanência e Conduta

2.1 -  As vagas serão disponibilizadas a qualquer momento somente nos períodos e as inscrições estejam abertas.

2.2 - Não será permitido o ingresso e a permanência de pilotos na TRANSBRASIL VIRTUAL caso estejam cadastrados em outra empresa aérea virtual que faça alusão a TRANSBRASIL VIRTUAL. Caso esta cláusula seja quebrada, as seguintes ações serão tomadas:

2.2.1 - Acesso bloqueado

2.2.2 - Notificacao via email

2.2.3 - O piloto terá 3 (três) dias para justificar e informar que ações serão tomadas, caso contrário será removido do quadro da TRANSBRASIL VIRTUAL

2.3 -  Após obter a aprovação nos exames teóricos e práticos, o novo piloto receberá um e-mail com instruções iniciais e terá um prazo de 7 (sete) dias para realizar seu primeiro voo, caso contrário, o acesso bem como todas as informações do piloto serão removidas do sistema.

2.4 - Todos os pilotos devem executar ao menos um voo por mês ou cumprir a escala designada no sistema de rotas da TRANSBRASIL VIRTUAL. Após este prazo, o piloto será notificado via email. Após dez dias a conta será desativada. Se não houver nenhuma comunicação ou atividade do piloto por um período de 60 dias, a conta bem como todas as informações referente a este piloto serão removidas do sistema.

2.5 - Pedidos de ausência serão permitidos uma vez que solicitados via email com qualquer um dos membros staff da TRANSBRASIL VIRTUAL. O tempo de ausencia podera ser negociado, caso a caso.

2.6 - O cadastro na TRANSBRASIL VIRTUAL é de uso pessoal e intransferível. Caso a conta seja usada indevidamente, o piloto será removido e um novo ingresso será autorizado mediante aprovação do staff.

2.7 - Nenhum ato de agressão verbal aos pilotos ou staff da TRANSBRASIL VIRTUAL será permitido e o piloto que cometer qualquer ato agressivo ou desrespeitoso será removido da TRANSBRASIL VIRTUAL, sem direito a reingresso. O mesmo é válido para membros ou staff das redes de aviação virtuais..

2.8 - Não é permitida a publicação de conteúdo adulto, religioso e ou político nos canais de comunicação da TRANSBRASIL VIRTUAL, incluindo mas não limitado a email, whatsapp, discord, etc.

2.9 - Não é permitido o uso da TRANSBRASIL VIRTUAL para fins lucrativos ou que possam prejudicar a imagem da VA em qualquer meios de comunicação disponíveis. Dependendo do caso, o piloto poderá ter sua conta desativada e removida sem opção de retorno.

2.10 - O mau uso do acesso como staff do sistema, ocasionará a exclusão da conta, bem como todas as informações do sistema da TRANSBRASIL VIRTUAL. 

2.11 - Todos os documentos e informações disponibilizadas aos pilotos e membros do staff são de uso exclusivo das operações da TRANSBRASIL VIRTUAL e não devem, sob hipótese alguma, serem distribuídos a terceiros. A violação desta regra, ocasionará a remoção da conta e de todas as informações do piloto ou membro do staff do sistema..

3 - Sistema de Gerenciamento de Rotas da TRANSBRASIL VIRTUAL

3.1 - A TRANSBRASIL VIRTUAL utiliza o SIMACARS e o VAM como sistemas de gerenciamento e registro dos voos.

3.2 - Após o envio do log do voo, o mesmo poderá ser enviado para revisão e aprovação, para avaliação. 

3.2.1 - O piloto poderá continuar a executar outros voos normalmente e caso necessário um dos membros do staff entrará em contato para maiores esclarecimentos relacionados ao log que apresentar qualquer variação com base nos parâmetros operacionais da TRANSBRASIL VIRTUAL. 

3.2.2 - Os pilotos têm a opção de adicionar comentários ao final de cada voo, caso queira prover qualquer informação adicional referente ao voo executado. Isso não garante a aprovação do voo, caso o mesmo não esteja de acordo com a operação padrão da TRANSBRASIL VIRTUAL.

3.2.3 - A lista de parâmetros utilizados para análise dos voos, poderão ser solicitadas a qualquer membro do staff, caso os mesmos não estejam disponíveis nas documentações operacionais da TRANSBRASIL VIRTUAL.

3.2.4 - Não é permitido o uso de equipamentos que não façam parte da frota da TRANSBRASIL VIRTUAL para realização de qualquer voo.

3.2.5 - Os pilotos deverão voar com o equipamento designado a eles durante o processo de ingresso. Exames teóricos e práticos estarão disponíveis caso o piloto deseje mudar de equipamento. 

3.2.6 - Os voos de escala ou charter devem ser executados em sequência, onde o aeroporto de origem de qualquer voo, deverá ser obrigatoriamente o aeroporto de destino do último voo. Caso necessário ou por outros motivos, o piloto poderá solicitar um “jumpset” para alterar sua localização uma vez que aprovado pelo Diretor da HUB ou Diretor Operacional do equipamento. Neste caso, o “jumpset” terá um custo para o piloto e o aeroporto de destino deverá, obrigatoriamente, ter um equipamento que o piloto opere disponível para realização do próximo voo.

3.3 - A TRANSBRASIL VIRTUAL opera apenas com voos online, por esta razão é proibido executar qualquer voo desconectado das redes VATSIM e IVAO. Caso alguma piloto execute qualquer voos offline, as seguintes penalizações poderão ser aplicadas:

3.3.1 - Horas de voo não contabilizadas

3.3.2 - Multa sob forma de desconto nos ganhos do piloto referente ao voo executado offline

3.3.3 - Reincidências, poderá ocasionar o desligamento do piloto da TRANSBRASIL VIRTUAL.

4 - Plano de Carreira

4.1 - Pilotos bem como membros do staff estão classificados por patentes definidas no plano de carreira da TRANSBRASIL VIRTUAL

4.2 - Os pilotos iniciarão sua carreira como Copiloto após o ingresso na TRANSBRASIL VIRTUAL.

4.3 - As promoções poderão ser condicionadas a exames teóricos e práticos, mas também podem ocorrer de forma automática, baseados nos critérios do plano de carreira da TRANSBRASIL VIRTUAL.

4.4 - Maiores informações sobre plano de carreira, promoções, e quaisquer outros detalhes referentes a carreiras dos pilotos poderão ser encontradas no Plano de Carreira da TRANSBRASIL VIRTUAL.

5 - Considerações Finais

5.1 - Este regulamento deverá ser de conhecimento obrigatório para todos os pilotos e staff da TRANSBRASIL VIRTUAL. Qualquer um dos termos e ou definições poderão ser alteradas sem prévio aviso. Em caso de alterações, todos os membros serão notificados via NOTAM e EMAIL.

5.2 - Alteracoes neste regulamento, quando necessarias, deverao ser apresentadas, discutidas, e aprovadas por pelo manos 50% dos do staff. Todos os pilotos podem contribuir na melhoria e evolução deste regulamento através de sugestões por escrito.

5.3 - Em caso de quebra deste regulamento, o piloto será desligado automaticamente da TRANSBRASIL VIRTUAL.

5.4 - Ao registrar para ingresso na TRANSBRASIL VIRTUAL, o candidato estará automaticamente concordando com este regulamento.

 

English

TRANSBRASIL VIRTUAL is a non-profit organization focused on entertainment through the simulation of TRANSBRASIL VIRTUAL operations in a virtual environment. This document aims to present a summary of the operational model as well as rules of conduct and permanence.

1 - Registration and Entry Steps

1.1 - To join TRANSBRASIL VIRTUAL, it is necessary to be at least 18 years old, active account in the IVAO or VATSIM networks with 500 flight hours, as well as not being prevented from connecting to the networks for conduct reasons.

1.2 - The admission test will be available to new candidates only when there are positions available,

1.2.1 - The test will consist of 20 multiple-choice questions. Each question will consist of 4 alternatives (A, B, C, D). Only 1 (one) will be correct. The contents of our admission test are: Navigation, Meteorology, Aircraft limitations, Flight Theory, Weight Performance and Balancing.

1.2.2 - The time available for the test is 20 (twenty) minutes. If the time runs out, the test will be sent automatically and the candidate will receive the grade.

1.2.3 - To be approved, the candidate must have at least 70% correct answers (14 questions). If you fail, the candidate will be able to run the test again in 7 days.

1.2.4 - Any attempt to circumvent the theoretical evaluation system will cause the automatic cancellation of the candidate's registration and he will be banned from admission to TRANSBRASIL VIRTUAL.

1.3 - The second stage of the TRANSBRASIL VIRTUAL admission process consists of an interview with one or more staff members via Discord. This interview must be scheduled with a maximum period of 10 days from the completion of the theoretical test, according to the availability of the candidate and the TRANSBRASIL VIRTUAL staff.

1.4 - The third stage of the TRANSBRASIL VIRTUAL entry process consists of a practical exam where the candidate will perform a flight between two terminals, the choice of the TRANSBRASIL VIRTUAL checker. This flight must be performed online, in any of the networks, preferably IVAO, and at the same time the candidate must share the aircraft cockpit via Discord, so that the TRANSBRASIL VIRTUAL checkers can evaluate the pilot's mode of operation.

1.5 - The results of the practical exam, will be sent in a maximum of 2 days from the execution of the flight.

1.6 - Upon entering, it is the pilot's duty to keep updated on TRANSBRASIL VIRTUAL standards and operations
 

2 - Permanence and Conduct

2.1 - New positions will be available at any time only in the periods and registration is open.

2.2 - The entry and stay of pilots in TRANSBRASIL VIRTUAL will not be allowed if they are registered with another virtual airline that refers to TRANSBRASIL VIRTUAL. If this clause is broken, the following actions will be taken:

2.2.1 - Access blocked 

2.2.2 - Notification via email 

2.2.3 - The pilot will have 3 (three) days to justify and inform what actions will be taken, otherwise he will be removed from the TRANSBRASIL VIRTUAL board

2.3 - After obtaining approval in the theoretical and practical exams, the new pilot will receive an email with initial instructions and will have a period of 7 (seven) days to make his first flight, otherwise, access as well as all the information of the pilot will be removed from the system.

2.4 - All pilots must execute at least one flight per month or comply with the scale designated in the TRANSBRASIL VIRTUAL route system. After this period, the pilot will be notified via email. After ten days the account will be deactivated. If there is no communication or pilot activity for a period of 60 days, the account as well as all information regarding this pilot will be removed from the system.

2.5 - Absence requests will be allowed once requested via email with any of the TRANSBRASIL VIRTUAL staff members. Absence time can be negotiated on a case-by-case basis.

2.6 - TRANSBRASIL VIRTUAL registration is for personal and non-transferable use. If the account is used improperly, the pilot will be removed and a new registration will be authorized with the approval of the staff.

2.7 - No act of verbal aggression to the pilots or staff of TRANSBRASIL VIRTUAL will be allowed and the pilot who commits any aggressive or disrespectful act will be removed from TRANSBRASIL VIRTUAL, without the right to re-entry. The same is true for members or staff of virtual aviation networks.

2.8 - The publication of adult, religious and or political content in TRANSBRASIL VIRTUAL communication channels is not allowed, including but not limited to email, whatsapp, discord, etc.

2.9 - The use of TRANSBRASIL VIRTUAL is not allowed for profit-making purposes or that could damage the VA's image in any available means of communication. Depending on the case, the pilot may have his account disabled and removed without a return option.

2.10 - Misuse of access as system staff will result in the account being deleted, as well as all information from the TRANSBRASIL VIRTUAL system.

2.11 - All documents and information made available to pilots and staff members are for the exclusive use of TRANSBRASIL VIRTUAL operations and must not, under any circumstances, be distributed to third parties. Violation of this rule will result in the removal of the account and all information from the pilot or staff member from the system.

3 - TRANSBRASIL VIRTUAL Route Management System

3.1 - TRANSBRASIL VIRTUAL uses SIMACARS and VAM as flight management and registration systems.

3.2 - After sending the flight log, it can be sent for review and approval, for evaluation.

3.2.1 - The pilot may continue to perform other flights normally and if necessary, one of the staff members will contact you for further clarifications related to the log that presents any variation based on the operational parameters of TRANSBRASIL VIRTUAL.

3.2.2 - Pilots have the option of adding comments at the end of each flight, if they wish to provide any additional information regarding the flight performance. This does not guarantee the approval of the flight, if it does not comply with the TRANSBRASIL VIRTUAL operational standards.

3.2.3 - The list of parameters used for analysis of flights, may be requested to any member of staff, if they are not available in the operational documentation of TRANSBRASIL VIRTUAL.

3.2.4 - The use of equipment that is not part of the TRANSBRASIL VIRTUAL fleet to carry out any flight is not allowed.

3.2.5 - Pilots must fly with the equipment assigned to them during the entry process. Theoretical and practical exams will be available if the pilot wishes to change equipment.

3.2.6 - All flights must be executed in sequence, where the airport of origin of any flight must be the destination airport of the last flight. If necessary or for other reasons, the pilot may request a “jumpset” to change its location once approved by the Director of the HUB or Operational Director of the equipment. In this case, the jumpset will have a cost for the pilot and the destination airport must have equipment that the pilot operates available for the next flight. It is the pilot's responsibility to request the jumpset as well as verify if there is equipment available to execute the flight from the new origin.

3.3 - TRANSBRASIL VIRTUAL operates only with online flights, for this reason it is prohibited to execute any flight disconnected from the VATSIM and IVAO networks. For long haul flight, the online network rules will be applied. If any pilot performs any flights offline, the following penalties may apply:

3.3.1 - Flight hours not counted 

3.3.2 - Fine in the form of a discount on the pilot's earnings for the flight performed offline 

3.3.3 - Recurrences may cause the TRANSBRASIL VIRTUAL pilot to be disconnected.

4 - Career

4.1 - Pilots as well as staff members are classified by patents defined in the TRANSBRASIL VIRTUAL career plan.

4.2 - Pilots will start their career as First Oficial after joining TRANSBRASIL VIRTUAL.

4.3 - Promotions may be subject to theoretical and practical exams, but they can also occur automatically, based on the criteria of the TRANSBRASIL VIRTUAL career plan.

4.4 - Further information on career plan, promotions, and any other details regarding the pilots' careers can be found in the TRANSBRASIL VIRTUAL Career Plan.

5 - Final Considerations

5.1 - This regulation must be mandatory for all TRANSBRASIL VIRTUAL pilots and staff. Any of the terms and or definitions may be changed without notice. In case of changes, all members will be notified via NOTAM and EMAIL.

5.2 - Changes to this regulation, when necessary, must be presented, discussed, and approved by at least 50% of the staff. All pilots can contribute to the improvement and evolution of this regulation through written suggestions.

5.3 - In case of breach of this regulation, the pilot will be automatically disconnected from TRANSBRASIL VIRTUAL.

5.4 - When registering for admission to TRANSBRASIL VIRTUAL, the candidate will be automatically agreeing with these regulations.



Powered by Virtual Airlines Manager [v2.6.2]